Al Nassr é punido por não pagar o Flamengo por Hernane

O Flamengo segue sem receber pela venda de Hernane Brocador ao Al Nassr, da Arábia Saudita, em 2014. Por ordem da Fifa, os árabes tinham até o dia 28 de setembro para depositar 3 milhões de euros (cerca de R$ 11,2 milhões), valor referente a duas parcelas da compra, na conta do Rubro-negro, mas isso não aconteceu.

Por esse motivo, eles começam a sofrer punições da maior entidade do futebol mundial. O clube não conseguiu a licença para disputar a Champions League da Ásia no ano que vem. A notícia foi confirmada pela imprensa árabe no fim de semana.

Lembrando que há uma segunda ação do Flamengo em andamento com relação à terceira parcela no valor de 2 milhões de euros (cerca de R$ 7,47 milhões). Essa ação foi concluída e em breve será inclusa na execução. Portanto, o valor total de Hernane Brocador, com multa e juros, tende a passar dos 5 milhões de euros (cerca de R$ 18,7 milhões).

— O Flamengo segue confiante no recebimento dos valores que lhe são devidos, conforme decisão proferida pelo CAS — disse o vice-presidente jurídico do Flamengo, Flávio Willeman, há algumas semanas, ao site oficial do clube.

Fonte: Jogo Extra

Deixe uma resposta