Assim não, Carpa!

É inadmissível perder de 4 a 0 para este time fraco do Fluminense… Inadmissível! Mesmo jogando com o time reserva. E a surra que o Flamengo levou hoje do Tricolor, na Arena Pantanal, em Cuiabá, podemos colocar na conta do técnico Paulo César Carpegiani.

Primeiro ponto… jogar com três volantes é piada! Ainda mais com Cuéllar de armador. O colombiano teve uma atuação tenebrosa. Errou tudo o que tentou e, para completar, foi expulso justamente no segundo tempo.

Segundo ponto… mexeu muito mal no time. Tirar o Marlos Moreno, no intervalo, foi um erro. A única chance de perigo do Flamengo na primeira etapa foi com o jovem colombiano. Além disso, faltou colocar um meia em campo para organizar o jogo. Podia ter tentado com o jovem Pepê.

A derrota de 4 a 0 serviu, ao menos, para sabermos com quem o Flamengo pode e não pode contar para a sequência da temporada. O volante Rômulo, por exemplo, não pode mais jogar. Falhou bisonhamente no primeiro gol tricolor, logo no início da partida. Irrita demais esse jogador, principalmente pela lentidão. Klebinho e Léo Duarte são outros jogadores bem fracos. E o que falar da Avenida Trauco?

Aí vocês vão falar que Vinicius Júnior e Felipe Vizeu também não foram bem. É verdade, concordamos… Mas esses daí têm crédito.

Quarta-feira tem River Plate, pela Libertadores… Esperamos uma postura bem diferente do time. SRN e pra cima deles, Mengão!

Deixe uma resposta